Giro da semana: 09 a 13 de novembro


Hoje estreia uma novidade aqui no nosso site: o Giro de Notícias. Nosso objetivo com isso é reunir as principais notícias jurídicas referentes à previdência, mundo do direito do trabalho e também do direito administrativo. Mas não somente isso, como também, entregar algumas dicas culturais, como a indicação de livros, filmes, peças de teatro, eventos, e demais áreas da cultura.

Confira abaixo as notícias e as dicas culturais:

Medida provisória amplia margem de empréstimo consignado a aposentados e pensionistas


A Medida Provisória 1006/20 amplia a margem de empréstimo consignado a aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para 40% do valor do benefício, dos quais 5% devem ser destinados para saque ou pagamento da fatura do cartão de crédito. O novo limite vale para empréstimos concedidos até o dia 31 de dezembro deste ano.

A MP foi publicada no Diário Oficial da União no início de novembro. Atualmente, os segurados do INSS podem comprometer com consignados até 30% do valor do benefício e mais 5% com cartão de crédito, totalizando 35%.

Leia a matéria completa clicando aqui 

TSE – Faltam 2 dias: saiba o que você precisa para votar com tranquilidade neste domingo (15)

Sim, o ano voou e já estamos no período eleitoral de 2020.
Pensado nisso, listamos algumas coisas que você não pode esquecer nessas eleições:

– Não esqueça de levar documento oficial com foto.

– Cuide o horário. A votação acontece das 8h às 17h.

– Se você é mesário, não esqueça o despertador: você precisa madrugar e chegar ao local de votação uma hora antes do pleito começar.

– Estará em viagem durante as eleições? Não esqueça de justificar seu voto.

– Candidatos não podem oferecer transportes para levar eleitores para votar. Se você vir ou souber de algum caso, denuncie.

– E, também, não esqueça sua classe social. Vote em quem defende teus direitos.

Quer saber mais sobre o que pode e não pode fazer no domingo, 15? Leia a matéria completa aqui.

Dicas culturais

Festival Mix Brasil reúne filmes, teatro, música, literatura e celebra a diversidade

De 11 a 22 de novembro, o Festival Mix Brasil, um dos mais importantes e celebrados eventos de cultura dedicados à diversidade do mundo, realiza a sua 28ª edição de forma online e gratuita, podendo ser assistido de qualquer parte do país. Algumas sessões presenciais acontecerão no CineSesc, espetáculos teatrais no Centro Cultural da Diversidade, e exposição em diversos Centros Culturais de São Paulo, com um número limitado de espectadores. Este ano a homenageada com o prêmio Ícone Mix será a drag queen Marcia Pantera, criadora do movimento Bate-cabelo e destaque em diversos filmes do cinema nacional.

Com direção de André Fischer e direção executiva de Josi Geller, a programação do Mix em 2020 traz 101 filmes de 24 países, espetáculos de teatro, música, seminário de literatura, laboratório audiovisual, mesas sobre temas relevantes para comunidade LGBTQIA+,  artes visuais e o Show do Gongo. Tudo num só lugar: a plataforma do MixBrasil. “Iremos sentir falta do calor humano, dos encontros antes das sessões, mas o lado bom é a democratização do conteúdo do Festival, pois esse ano estaremos em todo Brasil”,  observa Josi Geller.

Confira a programação completa do festival clicando aqui.

Exposição virtual do artista visual Luis Ferreirah revela flagrantes da periferia durante a pandemia

“Periferia Isolada” é o registro imagético do cotidiano de pessoas anônimas em situação de suspensão social na comunidade de Umbu, bairro periférico de Alvorada, Região Metropolitana de Porto Alegre no contexto da pandemia de Covid-19. A exposição virtual de fotógrafo, artista visual e produtor audiovisual Luis Ferreirah será aberta na próxima segunda-feira, 16 de novembro, no seu canal do Instagram (@Luisferreirahh). No mesmo dia, às 19h, em uma live, o ele conversa sobre a exposição, suas motivações e seu processo de criação.

– A intenção desta exposição é mostrar como as pessoas que moram em áreas vulneráveis, em condições precárias, se comportam frente às exigências de isolamento social e como reagem às informações que lhes chegam. A máscara de proteção e uma atitude que impõe o afastamento, presente em boa parte das fotos, indicam a preocupação com a pandemia, mas também demonstram que, mesmo em tempos difíceis, há lugar para o acolhimento?, observa Luis Ferreirah. O fotógrafo busca problematizar a situação de exclusão e vulnerabilidade a que estas comunidades estão sujeitas, na medida em que, por razões de sobrevivência, não podem suspender suas atividades laborais.

Saiba mais sobre a exposição clicando aqui.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.